montanha do pico

Montanha do Pico

A Montanha do Pico é o ponto mais alto de Portugal e o terceiro maior do Atlântico, com 2.351 metros acima do nível do mar, e faz parte de uma reserva natural que visa a preservação e conservação de todas as suas áreas ambientais.

A subida à Montanha do Pico é uma das experiências extraordinárias que todos deveriam ter, tornando-se imprescindível no roteiro das suas Férias no Pico.

A Montanha do Pico tem 750.000 anos e a sua origem é vulcânica. Oferece aos turistas uma vista magnífica sobre a natureza circundante.

A mistura do azul do céu com o azul da água e todo o verde da vegetação resume-se numa beleza indescritível.

Embora não seja tecnicamente difícil, é uma subida que requer uma condição física adequada e os cuidados necessários.

Crianças menores de 16 anos só podem subir a montanha quando acompanhadas pelos pais ou por um tutor adulto.

Montanha do Pico: a subida

A subida começa na Casa da Montanha, paragem obrigatória situada a cerca de 1200 m, onde se encontram disponíveis informações sobre a geologia, biologia, história e clima da Montanha do Pico, quer em painéis informativos, quer em formato de vídeo que podem ser visualizados no auditório.

Além disso, é na Casa da Montanha que são registadas e controladas as subidas para garantir que a capacidade máxima de carga da montanha não é ultrapassada (existe uma capacidade máxima de 320 visitantes por dia, bem como em simultâneo – entre 120 e 200 pessoas – o que pode requerer um período de espera até que a subida seja autorizada).

pico mountain - the climbing

A ascensão da Montanha do Pico

A duração média da subida é em torno de 3 a 4 horas (velocidade e esforço devem ser administrados para evitar aceleração excessiva do ritmo cardiovascular).

Quem subir ao topo da montanha poderá observar uma cratera vulcânica central chamada Pico Grande. O interior desta cratera é constituído por um cone de lava com 70 metros de profundidade, denominado Pico Pequeno ou Piquinho, que dá origem a fumarolas. A última erupção ocorreu em 1718. Se o tempo permitir, poderá admirar as vizinhas ilhas do Faial, São Jorge, Terceira e Graciosa.

A descida da Montanha

A descida também dura em média 3 a 4 horas, por isso é importante descer pelo menos 4 horas antes do pôr do sol).

No total, o percurso tem uma extensão (ida e volta) de cerca de 7.600 m (3.800 m da base ao cume) e um desnível de 1.100 m, devidamente identificado por 45 marcos de madeira. (numerados e pintados com duas listas de marcação de trilho vermelha e amarela).

O equipamento recomendado para subir a Montanha

O equipamento recomendado para escalar a Montanha do Pico é:

  • inicialização adequada para trilhos
  • roupas leves e frescas (no Verão) e equipamento de neve (no Inverno)
  • uma capa de chuva (o tempo pode mudar muito rapidamente)
  • Comida
  • bebidas
  • protetor solar
  • sapatos adequados (a caminhada sobre a rocha vulcânica irá provavelmente danificar os sapatos)

Quando você sobe ou desce à noite, não se esqueça de levar uma lanterna.

Se você passar a noite, leve roupas para dormir.

É permitido montar uma tenda na cratera da montanha, mas apenas por uma noite.

pico mountain the descent

Descida da montanha do Pico

Horário de funcionamento para subir a montanha

01 a 30 de abril

Segunda a quinta> 08h00 – 20h00

Sexta-feira abre às 08h00 e permanece aberto até domingo às 20h00 sem interrupções.

01 de maio – 30 de setembro

Aberto 24/7

01 a 31 de outubro

Segunda a quinta> 08h00 – 20h00

Sexta-feira abre às 08h00 e permanece aberto até domingo às 20h00 sem interrupções.

01 de novembro – 31 de março

Todos os dias> 08h00 – 18h00

Fechado> 24 de dezembro

PICO mountain CLIMBING

Vista do topo da montanha

Para tornar esta experiência segura e inesquecível, recomendamos os serviços de uma empresa certificada.

Existem várias empresas que oferecem esses serviços. Recomendamos o Tripix porque conhecemos os proprietários (não recebemos nenhuma comissão por esta recomendação).

Tripix é uma empresa de guias jovens e experientes. São todos certificados como Guias do Parque Natural dos Açores e Guia da Montanha do Pico.

O tripix oferece 3 tipos de escalada:

Escalada do Pico Day:

A subida começa com os primeiros raios de sol, aproveitando cada momento desta atividade desafiadora, sempre com informações interessantes sobre a gênese das ilhas e a biodiversidade do vulcão.

Escalada Pico Night:

Escalar o vulcão do Pico é um desafio, escalar durante a escuridão da noite é ainda mais! Munidos de lanternas, a subida é feita ao amanhecer, com a recompensa de uma sensação de plenitude ao ver os primeiros raios de sol colorindo o horizonte sobre o oceano.

Subida ao Pico durante a noite:

A subida é realizada com a luz do entardecer para poder desfrutar do incomparável pôr do sol e de todas as tonalidades dos últimos raios do dia. À noite você vai dormir em barracas dentro da cratera do vulcão, com o céu estrelado. O despertar é feito antes do nascer do sol, para que você possa aproveitar cada segundo do mais lindo nascer do sol no “topo do mundo”.

Você pode obter mais informações e reservar aqui: www.tripixazores.com

Escalada da Montanha do Pico – creditos MoreReenaHart

A Omnipresença da Montanha

Nem todos podem, ou querem, ou têm tempo para escalar a Montanha do Pico.

Para estes, a contemplação do seu esplendor pode ser feita pelas inúmeras fotos que podem ser tiradas de quase toda a ilha.

Existem poucos locais na ilha onde a montanha não é visível.

Portanto, é provável que você possa tirar fotos de vários locais, sempre com a montanha ao fundo.

Claro, às vezes ela fica envergonhada e esconde-se atrás das nuvens.

Mas, fora esses momentos, você poderá tirar fotos espetaculares com a montanha, mesmo que não suba ao seu topo.

E mesmo por baixo ela tem uma energia e uma grandeza que não deixa ninguém indiferente.

Leave a Comment